Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Azerbaijão abre escritório de comércio e turismo em Israel

Mikayil Ministro da Economia do Azerbaijão Mikayil Jabbarov [Wikipedia]
Mikayil Ministro da Economia do Azerbaijão Mikayil Jabbarov [Wikipedia]

O Azerbaijão abriu ontem seu escritório de comércio e turismo em Tel Aviv, medida considerada como um primeiro passo para a abertura de uma embaixada, anunciou o Ministério do Turismo de Israel.

A cerimônia, que contou com a presença do Ministro da Economia do Azerbaijão Mikayil Jabbarov, aconteceu trinta anos após o estabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países.

Segundo o Ministro do Turismo israelense Yoel Razvozov: “[o] lançamento da Representação oficial do Comércio e Turismo do Azerbaijão em Tel Aviv representa outro evento histórico nas calorosas relações entre os países”.

“As relações entre Israel e o Azerbaijão são de natureza estratégica e se baseiam na confiança e no respeito mútuo”.

“Gostaria de felicitar o Presidente Ilham Aliyev por esta importante decisão que fortalecerá ainda mais a parceria entre os dois países”, continuou Razvozov. “Ela certamente funcionará como referência para os empresários israelenses em áreas como energia, medicina, tratamento de água, agricultura e investimento”.

Durante a cerimônia, o Jabbarov do Azerbaijão encorajou as empresas israelenses a aproveitarem a atmosfera comercial benéfica criada no Azerbaijão para facilitar investimentos e transações mútuas.

De acordo com o Times of Israel, o faturamento comercial foi de quase duzentos milhões de dólares no ano passado, excluindo o fornecimento de petróleo. As empresas israelenses estão representadas em vários setores no Azerbaijão, incluindo construção de estradas, telecomunicações e medicina.

Além disso, o Ministro das Relações Exteriores israelense, Ashkenazi, disse que a decisão do Azerbaijão de abrir uma promoção turística e um escritório comercial em Israel é um passo para incluir o Azerbaijão no acordo de normalização dos Acordos de Abraham que já contempla os Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Sudão e Marrocos.

“O Azerbaijão é um aliado, amigo e o maior fornecedor dos recursos energéticos de Israel. Continuaremos a trabalhar no desenvolvimento de laços estratégicos com o Azerbaijão e a expandi-los em novas áreas”, afirmou.

LEIA: Vitória incompleta do Azerbaijão, derrota esmagadora da Armênia, grande vitória da Rússia

Categorias
Ásia & AméricasAzerbaijãoNotícia
Show Comments
Show Comments