Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Jordânia alerta contra mudança de embaixada britânica para Jerusalém ocupada

1
O ministro das Relações Exteriores da Jordânia, Ayman Safadi, durante uma entrevista coletiva em Amã, em 3 de janeiro de 2022. [Khalil Mazraawi/AFP via Getty Images]

O ministro das Relações Exteriores da Jordânia, Ayman Safadi, alertou contra a mudança de embaixada do Reino Unido para a cidade ocupada de Jerusalém.

Na noite de quinta-feira, em resposta às perguntas dos jornalistas sobre o anúncio do gabinete da primeira-ministra britânica Liz Truss de que estava considerando mudar a localização de sua embaixada em Israel para Jerusalém, Safadi anunciou: “Nenhuma decisão oficial foi emitida ainda a esse respeito. ”

Ele acrescentou que “Jerusalém Oriental é a capital do estado palestino, e nós alertamos contra qualquer medida desse tipo… Se um anúncio oficial fosse feito sobre a mudança da embaixada britânica, seria um passo negativo e colocaria em risco a solução de dois estados palestino e israelense”, disse.

Os meios de comunicação israelenses informaram na quinta-feira que Truss informou a Lapid que estava pensando em mudar a embaixada durante sua reunião anterior à margem das reuniões da Assembleia Geral das Nações Unidas em Nova York.

Enquanto era Secretária de Relações Exteriores britânica considerou transferir a Embaixada Britânica para Jerusalém ocupada se ela fosse eleita primeira-ministra, o que significa que o Reino Unido reconheceria Jerusalém como a capital de Israel.

LEIA: O discurso de Truss na ONU e sua promessa de considerar a mudança da embaixada britânica para Jerusalém

Categorias
Ásia & AméricasEstados UnidosIsraelNotíciaONUOrganizações InternacionaisOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments