Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Sadr do Iraque pede a prisão de participantes da conferência pró-normalização com Israel

Clérigo iraquiano Moqtada Sadr Najaf, em 10 de fevereiro de 2021 [ALI NAJAFI / AFP via Getty Images]

Muqtada Al-Sadr, líder popular do Iraque, pediu ontem a implementação de mandados de prisão emitidos contra aqueles que participaram da conferência de normalização de Israel em Erbil, capital da região curda no norte do Iraque, na semana passada .

“Ainda estamos esperando que os mandados de prisão expedidos contra os participantes da conferência de normalização sejam implementados”, escreveu Al-Sadr no Twitter, acrescentando que “se eles não forem presos,adotaremos medidas estritas contra os normalizadores e participantes. Sem arrependimentos.”

Na sexta-feira, uma conferência com a presença de figuras tribais e acadêmicas foi realizada em Erbil e pediu a normalização das relações com o estado de ocupação de Israel.

O governo iraquiano, incluindo o governo regional, condenou a conferência, enquanto o Conselho Judicial Supremo do Iraque emitiu mandados de prisão contra vários participantes.

LEIA: Washington e Bagdá concordam em reduzir tropas dos EUA no Iraque

Categorias
IraqueIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments