Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Líderes proeminentes da comunidade do Iraque pedem normalização com Israel

Mais de 300 iraquianos, incluindo líderes tribais, participaram de uma conferência no Curdistão autônomo organizada por um grupo de reflexão dos EUA exigindo a normalização das relações entre Bagdá e Israel, disseram os organizadores, em 24 de setembro de 2021 [Safin Hamed/AFP via Getty Images]

Mais de 300 iraquianos de Bagdá, Mosul, Al-Anbar, Babel, Salahuddin e Diyala pediram na sexta-feira que o Iraque normalizasse as relações com Israel por meio dos Acordos de Abraham, informou a mídia israelense.

De acordo com a Ynet News, os líderes da comunidade sunita e xiita pediram que o Iraque aderisse aos acordos de Abraham e estabelecesse relações diplomáticas com Israel.

O Canal 12 de Israel informou que o chefe da maior tribo árabe do Oriente Médio e ex-generais do exército iraquiano pediram a normalização das relações com Israel.

De acordo com a TV israelense, Chemi Peres, filho do falecido presidente e primeiro-ministro israelense Shimon Peres, participou da entrevista coletiva durante a qual os líderes iraquianos pediram a normalização dos laços.

LEIA: Israel ‘matou cientista iraniano usando atirador remoto’

Durante a conferência, que foi assegurada pelas forças curdas e saudada pelos Emirados Árabes, Peres falou em hebraico sobre a necessidade de paz.

O ministro das Relações Exteriores de Israel, Yair Lapid, foi relatado pela Ynet News afirmando que o evento “inspira esperança em pontos nos quais não pensamos antes”.

Ele também afirmou: “Nós e o Iraque compartilhamos uma história e raízes comuns na comunidade judaica, e sempre que alguém vier até nós, faremos de tudo para retribuir”.

Categorias
IrãIraqueNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments