Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Editora brasileira Tabla vence prêmio de tradução nos Emirados Árabes

Bandeira dos Emirados Árabes Unidos na abertura da 40ª Feira do Livro de Sharjah, em Sharjah, 2 de novembro de 2011 [Reprodução/ SBA]

A editora brasileira Tabla venceu o prêmio Turjuman de melhor tradução na Feira do Livro de Sharjah, nos Emirados Árabes Unidos. A editora foi reconhecida pela tradução para o português do livro de poesia “Onze astros”, de Mahmud Darwich, traduzido por Michel Sleiman, e recebe cerca de R$ 2 milhões (1,3 milhão de dirhams) como prêmio.

A 40ª edição da Feira Internacional do Livro Sharjah (SIBF, sigla em inglês), que tem como tema “Há sempre um livro certo”, começou na noite desta terça-feira (2) e irá até o dia 13 de novembro. O evento de onze dias foi inaugurado pelo governante de Sharjah, Sua Alteza Sheikh Dr. Sultan bin Muhammad Al Qasimi, e conta com a participação de 1.632 editoras árabes e estrangeiras e recebe 85 livros, reunindo um encontro de autores, intelectuais, poetas e artistas árabes, de todo o mundo. Organizado pela Sharjah Book Authority (SBA) no Expo Centre Sharjah, o evento celebra a Espanha como Convidada de Honra e homenageia como “Personalidade Cultural do Ano” o romancista e contista kuwaitiano, Taleb Al Refai.

A editora Tabla foi anunciada como vencedora do prêmio Turjuman de Tradução deste ano, que condecora a melhor tradução de obras literárias do árabe para qualquer idioma, durante a cerimônia de abertura. O prêmio pela tradução em português de Diwan Ahad ‘asher Kaukaban’ (Onze Astros), escrito pelo poeta e autor palestino Mahmoud Darwish, será dividido com a editora árabe que publicou a edição original, a Dar al Jadeed, com sede no Líbano. A editora árabe recebe 30% dos 1,3 milhão de dirhams e a Tabla fica com 70%.

Em um discurso de abertura, Ahmed bin Rakkad Al Ameri, Presidente da SBA, afirmou: “Hoje, a força e a beleza da literatura árabe cruzou fronteiras geográficas e linguísticas graças ao prestigioso Prêmio Sharjah de Tradução ‘Turjuman’, introduzido em 2011, que visa promover os títulos árabes globalmente. As obras criativas de nossos poetas, intelectuais e autores agora desfrutam de um público internacional e até hoje, o prêmio recebeu 16.490 pedidos de tradução de e para o idioma árabe e ajudou a conseguir a publicação de 1.493 livros”.

LEIA: Poesia palestina de resistência de Mahmud Darwich

Para o site PublishNews, Laura di Pietro, publisher da Tabla, contou que a obra foi uma escolha do próprio Michel para ser o primeiro livro de poesia da editora e que era perfeita para concorrer ao prêmio. “Primeiro por ser premiado um livro de poesia, acho que é bem significativo e foi um aspecto interessante. E em segundo lugar, pelo Mahmud Darwich, que é um grande escritor conhecido em todo mundo árabe e acho que tem sentido premiar um autor palestino”. Ela também falou da importância do reconhecimento pelo trabalho do Michel Sleiman e também para a literatura no Brasil. O site PublishNews irá lançar uma entrevista completa com a Laura em seu podcast.

O tradutor, poeta e professor Michel Sleiman é curador da editora Tabla, onde também traduziu o Poema dos Árabes, atribuído a um poeta lendário da Península Arábica, conhecido como Chânfara. Ele é professor de Língua e Literatura Árabes na Universidade de São Paulo e orienta estudos de pós-graduação em Letras Estrangeiras e Tradução.

Categorias
América LatinaÁsia & AméricasBrasilEmirados Árabes UnidosEspanhaEuropa & RússiaKuwaitNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments