Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Líbano registra queixa por uso israelense de seu espaço aéreo contra Síria

Aviões de guerra israelenses atacam alvos na Síria [Ashraf Amra/Agência Anadolu]

O Líbano registrou nesta sexta-feira (20) uma queixa oficial no Conselho de Segurança das Nações Unidas contra o exército israelense, por utilizar seu espaço aéreo para atacar a Síria, no dia anterior, confirmou um comunicado do governo em Beirute.

A chancelaria libanesa reportou que aviões de guerra israelenses violaram o espaço aéreo transnacional e voaram a baixa altitude no sul do país.

“Uma queixa foi encaminhada através do embaixador Amal Mudallali, representante do Líbano na ONU … para dissuadir Israel de reincidir em tais violações”, afirmou a nota.

Zeina Adra, que acumula os cargos de Ministra da Defesa e das Relações Exteriores do Líbano, também expressou seu repúdio “ao flagrante lançamento de mísseis do inimigo israelense do espaço libanês contra alvos na Síria, em baixa altitude”.

O premiê em exercício Hassan Diab reafirmou: “O inimigo israelense manteve violações da soberania do Líbano, o que constitui ameaça direta à Resolução 1701 da ONU”.

Na noite de quinta-feira (19), aviões de guerra israelenses adentraram no território libanês e lançaram uma bateria de mísseis, causando pânico entre os residentes.

A Resolução 1701 do Conselho de Segurança das Nações Unidas demanda o fim das hostilidades e retirada israelense do sul do Líbano.

LEIA: Centro de estudos de defesa de Israel expõe rede de túneis do Hezbollah

Categorias
IsraelLíbanoNotíciaONUOrganizações InternacionaisOriente MédioSíria
Show Comments
Show Comments