Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Trump Informa ao Congresso intenção de vender F-35s para os Emirados

EUA. O presidente Donald J. Trump organiza um comício de campanha no aeroporto Lancaster em Lititz, Pensilvânia, em 26 de outubro de 2020 [Tayfun Coşkun - Agência Anadolu]
EUA. O presidente Donald J. Trump organiza um comício de campanha no aeroporto Lancaster em Lititz, Pensilvânia, em 26 de outubro de 2020 [Tayfun Coşkun - Agência Anadolu]

O governo Trump notificou o Congresso de sua intenção de vender caças F-35 avançados para os Emirados Árabes Unidos, anunciou um legislador importante na quinta-feira.

O presidente do Comitê de Relações Exteriores da Câmara, Eliot Engel, confirmou a notificação, dizendo que sua exportação “requer uma consideração muito cuidadosa e o Congresso deve analisar todas as ramificações”.

Engel citou em particular, possíveis ramificações para a “vantagem militar de Israel” na região.

“Israel atualmente tem acesso exclusivo na região ao F-35, o que garantiu sua vantagem militar nos últimos anos”, disse o congressista em um comunicado. “Enquanto o Congresso analisa esta venda, deve ficar claro que as mudanças no status quo não colocarão em risco a vantagem militar de Israel.”

Caça a jato da Força Aérea Israelense, o F-35l visto em vôo em 13 de dezembro de 2016 [Força Aérea Israelense / WikiMedia]

Caça a jato da Força Aérea Israelense, o F-35l visto em vôo em 13 de dezembro de 2016 [Força Aérea Israelense / WikiMedia]

A potencial venda segue-se à abertura de relações diplomáticas com Israel mediada por Abu Dhabi.

Abu Dhabi busca há muito tempo a aeronave stealth de quinta geração, e aumentam as especulações de que ele teria permissão para comprar os F-35s depois que abrisse relações com Tel Aviv.

O presidente dos EUA, Donald Trump, manifestou a vontade de levar adiante a venda, dizendo na sexta-feira que “esse processo está avançando”.

LEIA: Israel mantém oposição a vendas de F035 dos Estados Unidos ao Catar, afirma ministro

O comentário foi feito um dia depois que o secretário de Defesa Mark Esper e seu homólogo israelense, Benny Gantz, confirmaram o compromisso estratégico de Washington com a superioridade militar qualitativa de Israel no Oriente Médio.

Israel comprou 50 caças F-35 dos EUA em 2016, que seriam entregues à Força Aérea Israelense durante os cinco anos seguintes.

Engel disse que a transferência do F-35 para os Emirados Árabes Unidos “inevitavelmente gerará demandas de outros na região”.

“O preço da normalização com Israel será uma infusão de armas avançadas? Isso é sábio? ” ele perguntou. “Nos próximos dias, convido os membros do Congresso que compartilham minhas preocupações a se juntarem a mim na introdução de legislação para garantir que a venda desses tipos de armas cumpra nossos objetivos de segurança nacional mais importantes.”

LEIA: Euro-Med condena plano dos Emirados de financiar “modernização” dos checkpoints

Categorias
Ásia & AméricasEmirados Árabes UnidosEUAIsraelNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments