Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Israel pede ao Reino Unido para banir o Hamas e o BDS

O secretário do Interior do Reino Unido, Sajid Javid, cumprimenta o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu [Twitter]

Israel pediu ao secretário do Interior do Reino Unido, Sajid Javid, o banimento do Hamas e o movimento Boicote, Desinvestimento e Sanções (BDS), informou o Canal 7.

Sajid, que está em Israel no momento, se reuniu com o ministro da Segurança Pública de Israel, Gilad Erdan, ontem, em Tel Aviv, antes de se encontrar com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.

Em 2001, o Reino Unido proscreveu a ala militar do Hamas, as Brigadas Izz Ad-Din Al-Qassam, como uma “organização terrorista”, mas reconhece o braço político do Hamas como o órgão que governa a Faixa de Gaza sitiada.

Durante sua viagem de dois dias a Israel, Javid visitou o Muro das Lamentações (Muralha de Al-Buraq) na Jerusalém Oriental ocupada e colocou uma nota entre suas pedras. Ele também fez uma visita “profundamente emocionante e emotiva” ao memorial e museu nacional do Holocausto em Yad Vashem.

Ele também se tornou o primeiro ministro do Reino Unido a rezar na Mesquita Al-Aqsa, o terceiro lugar mais sagrado do Islã.

 

  • Imagem 1: Sajid Javid: Um momento verdadeiramente poderoso e comovente, colocando uma nota de reflexão no Muro das Lamentações – centrro de culto judaico de gerações.
  • Imagem 2: Sajid Javid: Honrado em ser o primeiro ministro do gabinete britânico a fazer uma oração na mesquita Al Aqsa e visitar a bela Cúpula da Rocha

Sajid Javid declarou: “A liberdade de religião e crença é um direito não negociável para todos os povos, e o governo do Reino Unido está comprometido em combater o ódio antimuçulmano, o anti-semitismo, a perseguição aos cristãos e quaisquer outros impedimentos a este direito. Reino Unido e em todo o mundo. ”

Ele também se reuniu com o primeiro-ministro da Autoridade Palestina, Mohammad Shtayyeh e com o enviado da ONU para o Oriente Médio, Nicoklay Mladenov, quando reafirmou que o Reino Unido “continua comprometido em avançar na busca de uma solução de dois Estados … com Jerusalém como capital compartilhado”.

  • Sajid Javid: Discussões importantes com a Autoridade Nacional Palestina PM @ Drshtayyeh em Ramallah. Uma solução de dois estados é vital para garantir paz e segurança a longo prazo para palestinos e israelenses
Categorias
BDSEuropa & RússiaIsraelNotíciaOrganizações InternacionaisOriente MédioPalestinaReino Unido
Show Comments
Show Comments