Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Situação é de emergência humanitária na fronteira bielorrussa

Parede de arame erguida do lado polaco [ Ministério da Defesa da Polônia]

Centenas de migrantes estão encurralados na fronteira entre a Bielorrússia e Polônia, perto de Kuznica Bialostocka.

Uma parede de arame farpado foi erguida do lado polaco para travar o caminho a quem foge da guerra.

Os refugiados, provenientes do Oriente Médio, pretendem requerer asilo na União Europeia (UE). Agora estão à mercê do braço de ferro entre Minsk, a capital bielorrusa, e a UE.

O regime do presidente Aleksander Lukashenko, da Bielorrússia, é acusado de instrumentalizar os refugiados e de tentar desestabilizar a União Europeia. Pelo menos 50 migrantes já foram detidos.

LEIA: Belarus busca violência ao empurrar refugiados à Europa, afirma Polônia

Publicado originalmente em Agência Brasil

Categorias
BielorrússiaEuropa & RússiaNotíciaOrganizações InternacionaisOriente MédioPolôniaUnião Europeia
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments