Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Colonizadores cortam 45 oliveiras perto de Nablus

Palestinos se reúnem na cidade de Deir Ballut, na cidade de Salfit Governorate, para participar de um evento para plantar mudas de oliveiras na terra onde as oliveiras foram arrancadas por colonos judeus, na Cisjordânia, em 13 de janeiro de 2021 [Issam Rimawi/Agência Anadolu]

Os colonos ilegais cortaram 45 oliveiras em Burin, ao sul de Nablus ocupado, no norte da Cisjordânia, informou o Centro de Informação Palestina.

Ghassan Daghlas, o funcionário responsável pelo arquivo do assentamento na Cisjordânia do norte, disse que os cidadãos descobriram hoje que os colonos cortaram 45 oliveiras das terras do sul de Burin, perto do assentamento de Yitzhar, de propriedade dos palestinos Inad Zaben e Khaled Zaben.

Vários grandes ataques incendiários por colonos israelenses foram registrados nos territórios ocupados nas últimas semanas, coincidindo com o início da estação de colheita da azeitona.

No início de outubro, colonos extremistas arrancaram 900 mudas de azeitonas e damascos e roubaram colheitas de azeitonas na vila de Sebastia, também perto de Nablus. Além disso, os colonos arrancaram 70 árvores em Masafer Yatta, ao sul da cidade de Hebron, na Cisjordânia.

LEIA: A colheita da azeitona na Palestina ameaçada pelo terror dos colonos

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments