Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Não há razão para reunir-se com Autoridade Palestina, afirma Bennett

Presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas, em Ramallah, Cisjordânia ocupada, 3 de setembro de 2020 [ALAA BADARNEH/AFP/Getty Images]

Primeiro-Ministro de Israel Naftali Bennett afirmou nesta terça-feira (14) que não vê razão para reunir-se com o Presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas, ao descrever que o estabelecimento de um estado palestino como “erro terrível”.

“Não vejo a menor lógica em encontrar alguém que está processando nossos soldados em Haia, ao acusá-los de crimes de guerra, ao mesmo tempo que paga salários a terroristas”, alegou Bennett à emissora pública israelense KAN.

O premiê israelense comentou o encontro de seu Ministro da Defesa Benny Gantz com Abbas, no fim de agosto, ao reiterar que o pedido partiu de Gantz devido ao processo em Gaza.

Bennett enfatizou ainda sua longeva posição contrária a qualquer estado palestino: “Penso que seria um erro terrível … não vou fazê-lo”.

LEIA: O encontro entre Abbas e Gantz foi vergonhoso

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments