Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Israel estende restrições de segurança na Cisjordânia ocupada

Forças israelenses atacam palestinos durante protesto contra violações cometidas contra prisioneiros palestinos, em Hebron (Al-Khalil), Cisjordânia ocupada, 8 de setembro de 2021 [Mamoun Wazwaz/Agência Anadolu]

Forças da ocupação israelense estenderam restrições recém impostas na Cisjordânia ocupada e Faixa de Gaza sitiada, confirmou um comunicado militar nesta quarta-feira (8).

As medidas deveriam expirar na noite de ontem, mas a caça a seis prisioneiros palestinos que escaparam de uma penitenciária israelense de segurança máxima levou as autoridades da ocupação a prorrogarem sua validade.

“Conforme esforço para localizar os fugitivos, foi decidido estender o fechamento geral”, declarou a nota. “Suspendê-lo dependerá de uma análise da conjuntura”.

Travessias destinadas à entrada de bens à Cisjordânia ocupada serão abertas como planejado. No entanto, outras passagens permanecem fechadas e os palestinos podem atravessá-las somente “sob circunstâncias médicas ou especiais, com base humanitária”.

Os serviços de segurança e inteligência de Israel mantêm a caça aos seis prisioneiros palestinos que escaparam da penitenciária de Gilboa desde segunda-feira (6).

A fuga foi realizada por meio de um túnel escavado com utensílios de cozinha.

LEIA: Tensão aumenta nas prisões israelenses após medidas punitivas contra os detentos palestinos

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments