Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Hamas ‘não abandonará prisioneiros’

Centenas de palestinos se reúnem para protestar contra as violações israelenses de prisioneiros palestinos detidos em prisões israelenses em Hebron, Cisjordânia, em 8 de setembro de 2021 [Mamoun Wazwaz/Agência Anadolu]

O Movimento de Resistência Islâmica Palestina – Hamas – prometeu na quarta-feira que não abandonaria prisioneiros palestinos dentro e fora das prisões israelenses.

“A lenda do túnel da liberdade é uma etapa decisiva da vida de nosso povo e dos prisioneiros”, disse Musa Dudeen, membro do gabinete político do Hamas. “O ocupante israelense deve saber que nossas casas e almas são mais baratas do que a liberdade e dignidade de nossos prisioneiros. Protegeremos com tudo que temos os prisioneiros que escaparam pelo túnel da liberdade.”

LEIA: Israel estende restrições de segurança na Cisjordânia ocupada

Dudeen, que está encarregado da pasta de prisioneiros do movimento, acrescentou que o Hamas está pronto para fazer “o que for necessário” para a proteção dos prisioneiros palestinos.

Ele condenou a contínua repressão israelense aos palestinos em toda a Cisjordânia ocupada e a detenção dos parentes dos fugitivos. “Todas as campanhas israelenses e as medidas opressivas não terão sucesso em impedir que o povo palestino proteja os prisioneiros dentro ou fora das prisões israelenses.”

O oficial do Hamas descreveu a situação dos fugitivos como uma extensão da luta palestina pela liberdade e independência da brutal ocupação militar de Israel. Sua declaração terminou com um aviso a Israel para não ter como alvo as famílias dos fugitivos.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments