Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Sete pessoas morrem nos tumultos perto do aeroporto de Cabul

Famílias afegãs no aeroporto de Cabul, 16 de agosto de 2021 [Wakil Kohsar/AFP via Getty Images]

Sete pessoas foram mortas em meio às multidões que buscam salvo-conduto para sair do Afeganistão, perto do aeroporto de Cabul, após a captura da capital pelo grupo Talibã, reportou o Ministério da Defesa do Reino Unido, segundo a agência Reuters.

Desde que os combatentes fundamentalistas tomaram a cidade, no último domingo (15), milhares de pessoas tentam fugir ao exterior, sob receios da interpretação austera da sharia islâmica imposta pelo regime prévio do Talibã, entre 1996 e 2001.

“Nossas sinceras condolências às famílias dos sete civis afegãos que lamentavelmente morreram nas multidões de Cabul”, declarou o ministério britânico neste domingo (22).

LEIA: No aeroporto de Cabul, milhares se agarram à esperança de saída do Afeganistão

“As condições em campo permanecem extremamente desafiadoras, mas fazemos tudo que podemos para administrar a crise o mais seguramente possível”, prosseguiu.

Um correspondente da rede Sky News no aeroporto relatou que milhares de afegãos chegaram ao local neste sábado (21) e que aqueles na frente foram esmagados contra as barricadas.

A Sky News divulgou vídeos de soldados nos muros, tentando puxar os feridos e disparando mangueiras de baixa pressão contra a multidão, em meio ao forte calor.

Categorias
AfeganistãoÁsia & AméricasEuropa & RússiaNotíciaReino Unido
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments