Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Europeus boicotam cerimônia da embaixada dos EUA em Jerusalém

Secretário de Estado dos EUA Mike Pompeo e o embaixador dos EUA em Israel David Friedman ao lado da placa de dedicação à Trump na embaixada dos EUA em Jerusalém em 21 de março de 2019 [Jim YOung/ AFP via Getty Images]

Os embaixadores da Alemanha e, da França, entre outros da União Europeia (UE), boicotaram uma cerimônia na Embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém, revelou o Ynet News de Israel na terça-feira.

Embaixada dos EUA mudou-se para Jerusalém – Charge [Chappatte / Twitter]

A cerimônia foi realizada no dia 4 de julho na Embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém, em homenagem ao Dia da Independência dos Estados Unidos.

A embaixada dos EUA convidou embaixadores dos estados que têm embaixadas e representantes em Israel, incluindo os embaixadores da UE, de acordo com o Ynet News.

O site de notícias disse que os embaixadores que não compareceram à cerimônia optaram por não fazê-lo devido à localização da Embaixada dos Estados Unidos, que fica em Jerusalém.

Os países específicos não reconhecem Jerusalém como a capital do Estado de ocupação de Israel.

Além das autoridades alemãs e francesas, o site de notícias israelense revelou que autoridades da Romênia, Reino Unido, Kosovo, Austrália, Noruega e Canadá também não compareceram.

Foi uma situação diplomática embaraçosa para os EUA porque a administração dos EUA virou uma nova página nas relações com a UE após quatro anos de tensão durante a administração de Trump.

LEIA: Emirados Árabes inaugura embaixada em Tel Aviv

Categorias
AlemanhaÁsia & AméricasAustráliaCanadáEstados UnidosEuropa & RússiaFrançaIsraelKosovoNoruegaNotíciaOceâniaOrganizações InternacionaisOriente MédioPalestinaReino UnidoRomêniaUnião Europeia
Show Comments
Show Comments