Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Honduras inaugura embaixada em Jerusalém nesta quinta

Presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, em Washington, Estados Unidos da América, 28 de fevereiro de 2019 [Juan Manuel Herrera/OAS]
Presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, em Washington, Estados Unidos da América, 28 de fevereiro de 2019 [Juan Manuel Herrera/OAS]

O governo de Honduras anunciou que irá inaugurar nesta  quinta-feira, 24 de junho, a  sua embaixada em Jerusalém. O presidente hondurenho, Juan Orlando Hernández, também irá se reunir com autoridades israelenses para assinar acordos na área de agricultura, tecnologia e defesa.

No dia 3 de junho, Hernández anunciou que a abertura da embaixada aconteceria ainda este mês. “Minha missão será inaugurar oficialmente a abertura da embaixada de Honduras na ‘capital eterna de Israel’, a cidade de Jerusalém”, disse o presidente há duas semanas, após afirmar que sua visita a Israel há trinta anos “foi uma experiência que mudou sua vida”.

Segundo o governo, o presidente Hernandez está ligado a Israel desde 1991, “quando foi convidado pela agência de desenvolvimento internacional MASHAV para fazer parte de seu programa de liderança”. O MASHAV é um programa israelense de desenvolvimento da cooperação internacional entre o estado de ocupação israelense e países em desenvolvimento. A agência israelense premiou Hernandes, em 2015, por ser “o primeiro graduado de seus cursos de liderança a se tornar chefe de Estado”. Em 2017, o presidente hondurenho votou na ONU a favor de Jerusalém como capital de Israel.

“Para o Presidente Hernandez, a abertura da embaixada marca sua relação com Israel

que começou há 30 anos com sua ligação com o MASHAV”, diz a nota oficial.

Ele iniciou uma viagem internacional nesta segunda-feira entre os países Alemanha, Israel e Espanha. Ele retornará ao país latino americano apenas no sábado, 26 de junho. No domingo, o governo anunciou que a cerimônia de inauguração da embaixada terá a presença do presidente Hernández e da sua esposa; do ministro das relações exteriores, Lisandro Rosales, e do embaixador de Honduras em Israel, Mario Castillo. Além do novo primeiro-ministro israelense, Naftali Bennett e outras autoridades israelenses.

LEIA: Organizações da América Latina pedem sanções para acabar com apartheid israelense

Categorias
Ásia & AméricasHondurasIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments