Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Israel detém três líderes proeminentes do Hamas na Cisjordânia

Forças israelenses em Hebron, Cisjordânia, em 23 de janeiro de 2021. [Mamoun Wazwaz/Agência Anadolu]
Forças israelenses em Hebron, Cisjordânia, em 23 de janeiro de 2021. [Mamoun Wazwaz/Agência Anadolu]

O exército israelense deteve três líderes proeminentes do Hamas na cidade ocupada de Hebron, na Cisjordânia.

Testemunhas disseram à Agência Anadolu que um soldado israelense deteve Hatem Qaffeisha, 58, um importante líder do Hamas em Hebron e legislador palestino.

O ex-ministro da Governança Local Isa Al-Jabari, 55, e uma figura importante do Hamas, Mazen Al-Natsha, 49, também foram detidos.

As três figuras foram presas várias vezes pelo exército israelense.

O Hamas alertou sobre os planos israelenses de realizar uma campanha de prisão em massa contra seus membros antes das eleições palestinas marcadas para maio.

LEIA: Hamas constrói laços internacionais para garantir aval aos resultados eleitorais

Em fevereiro, membros importantes do Hamas foram detidos, incluindo Mustafa Al-Shannar, Adnan Asfour, Yaser Mansour, Khalid El-Haj, Abdel-Basit El-Haj, Omar Al-Hanbali e Faze ‘Sawafteh.

O Hamas diz que as autoridades israelenses pretendem atrapalhar as eleições palestinas e afetar os resultados.

O Hamas também acusou as autoridades israelenses de ameaçar seus membros com a prisão se eles concorrerem às próximas eleições.

Os palestinos estão programados para votar nas eleições legislativas em 22 de maio, as eleições presidenciais serão realizadas em 31 de julho e as eleições para o Conselho Nacional em 31 de agosto.

As últimas eleições legislativas foram realizadas em 2006, com o Hamas vencendo.

LEIA: Jihad Islâmica recusa-se a concorrer nas eleições sob Acordos de Oslo

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments