Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Crimes coloniais expõem esforços para proteger Israel de Haia, afirma AP

Colonos israelenses atacam fazendeiros palestinos da aldeia de Hawara, perto do assentamento de Yitzhar, Cisjordânia ocupada, 7 de outubro de 2020 [Jaafar Ashtiyeh/AFP/Getty Images]
Colonos israelenses atacam fazendeiros palestinos da aldeia de Hawara, perto do assentamento de Yitzhar, Cisjordânia ocupada, 7 de outubro de 2020 [Jaafar Ashtiyeh/AFP/Getty Images]

Os crimes em curso cometidos por colonos israelenses contra nativos palestinos, suas terras e propriedades são expostos por aqueles que tentam proteger a ocupação do inquérito deferido pelo Tribunal Penal Internacional (TPI), afirmou a Autoridade Palestina no domingo (7).

“Houve um grave aumento nos ataques de colonos contra civis palestinos nas cidades e aldeias palestinas, ao longo das últimas 24 horas”, reportou o Ministério de Relações Exteriores e Expatriados da Autoridade Palestina, com sede na Cisjordânia ocupada.

“Tais ataques ocorrem à plena luz do dia e refletem quão facilmente colonos terroristas podem mover-se dentro de áreas palestinas, com tamanha liberdade concedida, desde o planejamento de suas agressões, monitoramento das vítimas e execução dos crimes com impunidade”.

O ministério palestino condenou os crimes israelenses e destacou que não podem ser encobertos ou ignorados.

“Devem refletir-se em resoluções da ONU para condenar a ocupação e o terrorismo colonial, de modo que todo o mundo saiba a realidade da ocupação, sobretudo governos que defendem o comportamento e a moralidade do exército israelense”, prosseguiu o alerta.

LEIA: O TPI e a decisão de investigar os crimes de Israel

Israel, reiterou o comunicado, não está acima da lei. “É preciso responsabilizá-lo independente da proteção que recebe dos Estados Unidos”.

Relatos de grupos de direitos humanos e mesmo da grande mídia, incluindo agências de Israel, revelaram que toda a sorte de ataques coloniais são executados de modo flagrante e com apoio efetivo do governo israelense, observou a rede Al-Watan Voice.

Segundo o site de notícias, as forças da ocupação israelense auxiliam os colonos no planejamento dos atentados e então fornecem escolta quando retiram-se da cena do crime.

 

Categorias
IsraelNotíciaOrganizações InternacionaisOriente MédioPalestinaTPI
Show Comments
Show Comments