Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Iraque: 2 bombas atingem comboio de suprimentos dos EUA

Pessoas se reúnem no local de um ataque a bomba na Praça Tayaran em Bagdá, Iraque, em 15 de janeiro de 2018 [Agência Haydar Hadi / Anadolu]
Pessoas se reúnem no local de um ataque a bomba na Praça Tayaran em Bagdá, Iraque, em 15 de janeiro de 2018 [Agência Haydar Hadi / Anadolu]

Duas bombas atingiram comboios que abasteciam as forças da coalizão liderada pelos EUA na governadoria de Dhi Qar, no sul do Iraque, informaram fontes de segurança na quarta-feira.

“Uma bomba teve como alvo um comboio que transportava equipamento de apoio logístico para o exército dos EUA na rodovia no cruzamento Al-Batha, na cidade de Nasiriyah, no oeste do país”, disse o comandante da polícia de Dhi Qar, Hazem Al-Waeli, citado em um comunicado.

As explosões, que não causaram vítimas, mas causaram alguns danos materiais, são as mais recentes em uma série de incidentes desse tipo nas últimas semanas. No domingo, outro comboio transportando suprimentos para as forças da coalizão foi atacado no sul do Iraque.

Os ataques aumentaram após o assassinato do comandante da Guarda Revolucionária Iraniana, Qassem Soleimani, e do líder das Forças de Mobilização Popular do Iraque (PMF), Abu Mahdi Al-Muhandis, em um ataque de drones dos EUA em Bagdá no início do ano.

Muitos milhares de soldados dos EUA ainda estão em bases no Iraque, liderando uma coalizão cuja missão seria “combater o Daesh”. Mas, após os recentes ataques, as tropas se retiraram de sete locais em todo o país.

Na quarta-feira, um alto funcionário do exército dos EUA disse que o número de soldados americanos na Síria e no Iraque seria reduzido no próximo período, mas ele não estipulou quantos seriam retirados.

Desde outubro de 2019, o Iraque testemunhou mais de 30 ataques contra bases militares e diplomáticas dos EUA, mas os ataques com mísseis tornaram-se mais raros nos últimos meses.

LEIA: Seis anos após massacre, sobreviventes yazidis veem “apenas promessas vazias”

Categorias
Ásia & AméricasEUAIraqueNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments