Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Alemanha bane braço político do grupo Hezbollah

O grupo libanês possui em torno de mil apoiadores na Alemanha

A Alemanha baniu por completo o grupo libanês Hezbollah, anunciou nesta quinta-feira (29) o Ministério do Interior do país europeu. As informações são da agência Anadolu.

Steve Alter, porta-voz do ministério, descreveu o Hezbollah como “organização terrorista xiita” em declaração compartilhada no Twitter. Segundo seu comunicado, o Ministro do Interior da Alemanha Horst Seehofer determinou a proibição de todas as atividades do grupo libanês no país europeu.

LEIA: Hezbollah culpa o banco central do Líbano pelo colapso da moeda

“Operações policiais simultâneas são mantidas em diversos estados da federação, desde as primeiras horas da manhã [de quinta-feira]”, relatou Alter.

Em 2013, os estados-membros da União Europeia baniram o braço armado do grupo Hezbollah, mas resistiram à pressão dos Estados Unidos e Israel para proscrever o grupo como um todo à ilegalidade.

O grupo libanês possui aproximadamente mil apoiadores na Alemanha, segundo a agência de inteligência alemã BfV (Ofício Federal para Proteção da Constituição).

No Líbano, o Hezbollah é reconhecido como partido político majoritário e exerce um papel significativo na complexa estrutura política do país.

LEIA: Liga Árabe diz que Líbano vai caindo desconhecido

Categorias
AlemanhaEuropa & RússiaLíbanoNotíciaOriente MédioVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Show Comments