Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Arábia Saudita condena ataques a Gaza, pede proteção a civis

Médicos tratam criança ferida por ataque israelense
Médicos tratam criança ferida por ataque israelense

A Arábia Saudita condenou neste sábado (6) os ataques aéreos em curso conduzidos por Israel contra a Faixa de Gaza, que mataram ao menos 29 palestinos até então.

A chancelaria saudita destacou em comunicado que a monarquia permanece ao lado do povo palestino e instou a comunidade internacional a “cumprir sua responsabilidade para dar fim à escalada, fornecer proteção necessária a civis e exercer esforços para superar o conflito”.

Israel lançou uma nova ofensiva militar contra Gaza na sexta-feira (5), ao afirmar “iminente ameaça de ataque” do movimento palestino de Jihad Islâmica, após a prisão de um de seus líderes na Cisjordânia ocupada.

Na segunda-feira (1°), forças israelenses prenderam o veterano palestino Bassam al-Saadi na cidade de Jenin, ocasião na qual um rapaz de 17 anos foi executado.

Desde sexta-feira, ao menos 29 palestinos foram mortos pelos bombardeios israelenses – incluindo seis crianças e quatro mulheres. Mais de 250 pessoas foram feridas, informou o Ministério da Saúde da Faixa de Gaza.

Arábia Saudita não tem relações diplomáticas com Israel.

LIEA: Israel desrespeita mediador do Egito, diz Jihad

 

 

Categorias
Arábia SauditaIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments