Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Chefe da ONU clama por desescalada nos protestos do Iraque

Secretário-Geral das Nações Unidas António Guterres em 26 de abril de 2022 [Ministério de Relações Exteriores da Rússia/Agência Anadolu]

O Secretário-Geral das Nações Unidas António Guterres pediu neste domingo (31) que as partes envolvidas nos protestos iraquianos contra o novo premiê procurem acalmar a situação e evitar incidentes de violência. As informações são da agência de notícias Anadolu.

Em nota, seu porta-voz Farhan Haq confirmou que o chefe da Organização das Nações Unidas (ONU) “acompanha com preocupação” os levantes no Iraque, cujos relatos apontam diversos feridos.

“Liberdade de expressão e de assembleia pacífica são direitos fundamentais que devem ser respeitados em todas as ocasiões”, reafirmou Guterres.

O porta-voz instou as partes iraquianas a “superarem suas divergências e compor, por meio de um diálogo inclusivo e pacífico, um governo nacional eficiente”.

Tensões escalaram no Iraque nos últimos dias, após uma coalizão ligada a Teerã nomear Mohammed Shia al-Sudani como novo primeiro-ministro. As manifestações contam com apoiadores do influente clérigo xiita Muqtada al-Sadr.

O Iraque permanece em impasse político há nove meses, após as eleições gerais no país em outubro de 2021. Desde então, partidos rivais não conseguiram chegar a um consenso para estabelecer um novo governo.

LEIA: Iraquianos rejeitam novo premiê, invadem o parlamento

Categorias
IraqueNotíciaONUOrganizações InternacionaisOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments