Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Apesar do boicote oficial, AP mantém reuniões secretas com funcionários dos EUA

O presidente palestino Mahmoud Abbas em Ramallah, Cisjordânia, em 12 de maio de 2021 [Issam Rimawi/Agência Anadolu]

O presidente da Autoridade Palestina (AP), Mahmoud Abbas, anunciou o boicote aos EUA e suas autoridades, no entanto ele continuou mantendo reuniões secretas com autoridades americanas em Ramallah, revelou o The Times of Israel na sexta-feira.

Abbas também ordenou que todas as autoridades palestinas não se reunissem com os americanos após o fechamento do Consulado dos EUA na Jerusalém ocupada em 2018.

Um funcionário da AP disse ao The Times of Israel que as reuniões com funcionários dos EUA começaram logo depois que o governo do presidente Joe Biden anunciou que reabriria o Consulado dos EUA em Jerusalém.

A AP rompeu laços com o governo Trump, que fechou o consulado, considerando o fechamento como um rebaixamento das relações com os palestinos.

Durante a ofensiva israelense em Gaza, os EUA ficaram frustrados devido à sua incapacidade de se envolver facilmente com os palestinos. Assim, de acordo com o The Times of Israel, dias após a ofensiva, o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, visitou a região e notificou Benjamin Netanyahu e Abbas sobre a ação de Biden.

LEIA: Hamas condena insistência da AP em encontrar premiê de Israel

Além disso, o The Times of Israel relatou que Blinken despachou o ex-chefe da Missão Michael Ratney para Jerusalém para servir como encarregado de negócios da embaixada até a chegada de um embaixador em tempo integral.

Um oficial informado relatou que Ratney tem laços de longa data com membros seniores da Autoridade Palestina e alavancou essas relações para instar Abbas a encerrar seu boicote à Embaixada dos Estados Unidos, revelou um oficial familiarizado com o assunto.

Autoridades americanas e palestinas disseram que Abbas se reuniu em particular em Ramallah com Ratney e o chefe da Unidade de Assuntos Palestinos, George Noll, várias vezes desde maio para discutir o avanço das relações bilaterais entre EUA e Palestina.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments