Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Autoridade Palestina não tem nenhuma ‘autoridade’, ironizou Barghouti

Líder sênior do Fatah preso, Marwan Barghouti, 25 de abril de 2017 [Twitter]

Marwan Barghouti, membro encarcerado do Comitê Central do Fatah, disse que “a Autoridade Palestina (AP) não tem nenhuma autoridade”, acrescentando que a Batalha por Jerusalém “revelou a incapacidade e a fragilidade” do sistema político palestino, conforme informou ontem a agência de notícias Sama.

Barghouti também disse que a AP “permitiu que a ocupação israelense tivesse um custo zero” e que “está praticando a limpeza étnica e muita agressão aos palestinos”.

A principal corrente da OLP, explicou ele, aceitou “menos do que as exigências mínimas” necessárias para fazer a paz com a ocupação israelense.

Imigração, assentamento, aumento da força e fortes aliados internacionais “são a espinha dorsal da ocupação israelense”, explicou Barghouti, observando que 32 mil judeus imigram para Israel anualmente e o número de colonos judeus israelenses na Cisjordânia ocupada aumentou em 200 mil nos últimos dez anos.

LEIA: 80% dos palestinos querem renúncia de Mahmoud Abbas, revela pesquisa

Enquanto isso, Israel vem construindo seu poder militar e está fazendo alianças com a Rússia, China e Índia, além de sua aliança com os Estados Unidos. Ao mesmo tempo, o estado de ocupação tem procurado se tornar um estado central na região, um estado com o qual os países próximos têm procurado forjar alianças, explicou ele.

A recente Batalha por Jerusalém, que ocorreu nos territórios ocupados e dentro de Israel em maio, “é a prova de que os palestinos não desistirão de lutar por seus direitos apesar de seus sofrimentos e dores”, disse Barghouti.

Ele também “revelou a incapacidade e fragilidade do sistema político palestino e provou que precisamos produzir uma nova liderança alternativa através de eleições gerais”.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments