Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Emir do Catar exorta comunidade internacional a não negligenciar a Síria

Emir do Catar, sheikh Tamim Bin Hamad al-Thani em Alula, Arábia Saudita, em 5 de janeiro de 2021 [Conselho Real da Arábia Saudita/Agência Anadolu]

O emir do Catar, Sheikh Tamim Bin Hamad Al Thani, pediu ontem à comunidade internacional que não negligencie a questão síria.

Falando na 76ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas em Nova York, Sheikh Tamim disse que este ano marcou uma década desde o início da guerra civil na Síria, enquanto a crise continua a representar “perigos imensos”, incluindo a crescente ameaça de terrorismo no país, região e mundo em geral.

“Não devemos fechar os olhos para a questão síria”, disse ele. “E a comunidade internacional não deve virar as costas ao sofrimento do povo sírio, como aconteceu recentemente durante o bombardeio da cidade de Daraa e outras áreas”, acrescentou.

Ele exortou a comunidade internacional a “dobrar seus esforços” para acabar com a crise, por meio de uma solução pacífica de acordo com a Declaração de Genebra 1, implementar a Resolução 2254 do Conselho de Segurança com todos os seus componentes e preservar a unidade regional e nacional da Síria, bem como a soberania e a independência.

No início de setembro, o Ministério das Relações Exteriores do Catar condenou “nos termos mais veementes” a campanha militar do regime sírio em Daraa, que levou ao deslocamento de dezenas de famílias em violação ao Direito Internacional Humanitário.

LEIA: Ataques a padarias na Síria matam mais de 800 pessoas desde 2011, afirma relatório

Categorias
CatarNotíciaOriente MédioSíria
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments