Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Gaza protesta por cuidados médicos a Israa Al-Jaabis

Israa é submetida a negligência médica deliberada nas cadeias de Israel

Palestinos em Gaza realizaram um evento em solidariedade à prisioneira palestina Israa Al-Jaabis, mantida em custódia nas cadeias da ocupação israelense sob negligência médica deliberada, a despeito de queimaduras graves.

Os manifestantes deram destaque a seu sofrimento em frente ao escritório da Cruz Vermelha em Gaza e exortaram grupos de direitos humanos a pressionar por sua soltura.

Na última semana, ativistas palestinas lançaram uma campanha nas redes sociais para mobilizar solidariedade a Israa, para que obtivesse o devido tratamento médico.

Em 10 de outubro de 2015, com então 30 anos, Israa foi detida a 500 metros do posto de controle de al-Zayyim, em Jerusalém ocupada, após perder o controle de seu veículo enquanto transportava móveis de sua casa ao bairro de Jabal al-Mukaber.

LEIA: Anhar Al-Deek e as variadas formas de violência praticadas por Israel

Um botijão de gás explodiu na ocasião, resultando em queimaduras de primeiro e terceiro grau em 60% de seu corpo, além da amputação de oito dedos. A despeito da acidente, Israa foi acusada de tentativa de assassinato contra soldados da ocupação.

Israa não pode erguer os braços completamente, pois seus ferimentos não se curaram corretamente, e depende de uma outra prisioneira para ajudá-la em tarefas simples.

Sobre seu trauma, declarou a prisioneira palestina: “Sinto medo quando me olho no espelho, imagine como se sentem os outros ao olharem para mim”.

 

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestinaVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments