Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Unicef pede proteção de menores resgatados na Líbia

Um salva-vidas da ONG espanhola Open Arms segura uma criança após tirá-la de um barco de madeira em que 38 migrantes de diferentes nacionalidades, a maioria líbios, tentavam atravessar para a Europa, em 27 de março de 2021 [Carlos Gil Andreu/Getty Images]

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) expressou preocupação com a proteção das crianças resgatadas na Líbia, informou a agência de notícias Xinhua.

No sábado, Abdulkadir Musse, representante especial do Fundo Internacional das Nações Unidas para a Infância (Unicef) na Líbia, pediu a proteção das crianças migrantes que são resgatadas e devolvidas à Líbia.

“Entre 14 pessoas morreram afogadas no Mar Mediterrâneo, estavam o corpo de uma mulher e de uma criança, na costa da Líbia, em Zawya, noroeste da Líbia. Em outro incidente hoje, pelo menos 43 imigrantes morreram afogados em um naufrágio na costa da Tunísia”, disse Musse.

“A Unicef pede uma ação imediata para proteger as crianças interceptadas, oferecendo cuidados imediatos apropriados e soluções duráveis”, acrescentou.

A Unicef também está preocupada com a segurança das crianças em idade escolar na Líbia devido aos confrontos armados.

De acordo com a Unicef, desde o início de 2021, um total de 529 crianças foram interceptadas e devolvidas à costa da Líbia, de um total de quase 15.000 pessoas.

LEIA: Cinco migrantes se afogam na costa da Líbia

Categorias
ÁfricaLíbiaNotíciaUNICEF
Show Comments
Show Comments