Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Líbano frustra viagem de onze refugiados à Europa

Refugiados sírios em um campo na cidade de Trípoli, Líbano, 3 de janeiro de 2021 [Mahmut Geldi/Agência Anadolu]

O exército libanês alegou ontem (13) ter frustrado uma tentativa de “tráfico humano”, ao impedir que onze refugiados deixassem o território via mar pela cidade de Trípoli, no norte do país.

“As forças navais do Líbano conseguiram frustrar uma tentativa de tráfico de dez sírios e um libanês, a bordo de um barco na costa de Trípoli”, afirmou o exército em nota.

Nos últimos meses, tentativas de migração irregular à Europa, sobretudo ao Chipre, a partir do território libanês, vivenciaram um pico, devido aos altos índices de pobreza e à deterioração exponencial das condições socioeconômicas no país árabe.

Há hoje aproximadamente 2,5 milhões de sírios no Líbano, dos quais apenas 900 mil são registrados pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR). A maioria dos refugiados vive em condições de miséria e precariedade.

Na última semana, a prefeitura de Nahr Ibrahim, no distrito costeiro de Byblos, ameaçou deportar sírios e outros estrangeiros que não respeitarem o toque de recolher entre as 21 horas e 6 horas da manhã, sob pretexto de combate ao covid-19.

LEIA: Papa descreve o Mediterrâneo como ‘maior cemitério da Europa’

Categorias
ChipreLíbanoNotíciaOriente MédioSíria
Show Comments
Show Comments