Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Forças israelenses realizam manobras no Vale do Jordão

Tanques militares israelenses são vistos estacionados no Vale do Jordão durante um exercício de treinamento militar, em 6 de maio de 2015 [Shadi Hatem/Apaimages]

As forças de ocupação israelenses lançaram um exercício militar em torno de Tayaseer, um vilarejo próximo à cidade de Tubas, na Cisjordânia, no Vale do Jordão, informou a agência de notícias Wafa.

De acordo com o chefe do Conselho da Vila Tayaseer, Wajeeh Dabk, um grande número de tanques israelenses e outros veículos militares foram posicionados ao redor da vila para as manobras. Os aldeões não foram avisados sobre isso com antecedência, ele insistiu.

A população local está reclamando que os exercícios irão incendiar grandes extensões de terras agrícolas e propriedades no norte do Vale do Jordão, o que resultará em perdas substanciais. Isso não é novidade. Os palestinos no vale ocupado enfrentam frequentes demolições de casas e confisco de propriedades nas mãos do exército.

LEIA: Milhares reúnem-se em Londres para exigir apoio do G7 à Palestina

Israel transferiu pelo menos 11.000 de seus cidadãos judeus para o Vale do Jordão desde 1967, quando ocupou a Cisjordânia. Alguns dos assentamentos em que vivem são quase inteiramente construídos em terras palestinas privadas. Todas essas transferências e assentamentos populacionais são ilegais de acordo com o direito internacional.

Dabk acrescentou que os militares israelenses também designaram cerca de 46 por cento do Vale do Jordão como uma zona militar fechada desde 1967. As forças de ocupação usam a desculpa de manobras para deslocar famílias que vivem na área como parte da política governamental de limpeza étnica e o sufocamento do desenvolvimento palestino.

Categorias
IsraelJordâniaNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments