Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Hamas pede que Riad liberte detidos palestinos

Fawzi Barhoum, porta-voz do Hamas, 22 de dezembro de 2017 [Mohammed Asad/Apaimages]

O grupo palestino Hamas exortou a Arábia Saudita a libertar todos os prisioneiros palestinos, relatou a Agência Anadolu.

“Durante o abençoado mês do Ramadã, pedimos às autoridades sauditas que libertem imediatamente os prisioneiros palestinos”, disse Hazem Qasim, porta-voz do Hamas.

Qasim disse que os detidos “trabalharam para a causa palestina em conformidade com as leis sauditas”.

Fawzi Barhoum, outro porta-voz do Hamas, disse: “Não há justificativa para manter [o ex-representante do grupo em Riad] Mohammed Al-Khudari, seu filho e seus irmãos nas prisões sauditas”.

Ele disse que os detidos devem ser libertados com base em “um dever religioso, moral e ético, especialmente durante o Ramadã”.

Em fevereiro, a Amnistia Internacional disse que Al-Khudari, 83, tinha passado por uma cirurgia e estava sendo tratado de um cancro da próstata quando as autoridades sauditas o prenderam e a seu filho, Hani Al-Khudari, em 4 de abril de 2019.

A Anistia pediu ao rei saudita que assegure que as “acusações infundadas” contra Al-Khudari e seu filho sejam retiradas e eles libertados.

De acordo com o Hamas, pelo menos 60 palestinos estão em prisões sauditas.

LEIA: Hamas reitera disposição em negociar soltura de prisioneiros com Arábia Saudita

Categorias
Arábia SauditaIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments