Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

EUA controlam 90% do petróleo da Síria

Soldados dos EUA estão em um campo de petróleo no interior da cidade de Al-Qahtaniyah, na Síria, em 4 de agosto de 2020. [Delil Souleiman/AFP/Getty Images]
Soldados dos EUA estão em um campo de petróleo no interior da cidade de Al-Qahtaniyah, na Síria, em 4 de agosto de 2020. [Delil Souleiman/AFP/Getty Images]

O ministro do Petróleo da Síria, Bassam Toma’a, revelou que cerca de 90% do petróleo da Síria está sob o controle das forças dos EUA, informou a Aram News Network na sexta-feira.

“Os americanos e seus seguidores estão agindo como piratas, pois têm como alvo a riqueza e os suprimentos de petróleo da Síria”, afirmou o ministro do regime sírio.

O ministro acrescentou: “Há um futuro promissor para a indústria do petróleo nas águas [da Síria]. Precisamos de tranquilidade e condições logísticas estáveis”.

Ele afirmou que as perdas totais diretas e indiretas do setor de petróleo sírio ultrapassaram US$ 92 bilhões, observando que o que aconteceu na Síria nunca havia ocorrido em relação à exploração de riquezas e suprimentos.

É importante notar que o Ministério do Petróleo do regime de Bashar Al-Assad assinou contratos com a petrolífera russa Capital para explorar petróleo ao largo da costa da governadoria de Tartus com uma área de 2.250 km².

LEIA: Forças dos EUA chegam à Síria com armas e materiais logísticos

Categorias
Ásia & AméricasEUANotíciaOriente MédioSíria
Show Comments
Show Comments