Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Pintura de Marrakech de ex-primeiro-ministro Churchill do Reino Unido é vendida por US$ 11,5 milhões

A peça retrata a mesquita de Marrakech do século 12 ao pôr do sol com as Montanhas Atlas como pano de fundo

 

Uma pintura de Marrakech do ex-primeiro-ministro britânico Winston Churchill foi vendida em leilão por £ 8,3 milhões (US$ 11,5 milhões) ontem.

O preço, que inclui uma comissão robusta de £ 1,3 milhões ($ 1,8 milhões), foi alcançado pela pintura a óleo que descreve a Torre da Mesquita Koutoubia, e superou sua estimativa de pré-venda, que estava entre £ 1,5 – £ 2 milhões ($ 2 – $ 2,7 milhões).

A peça também quebrou o preço recorde anterior para uma pintura de Churchill, que ficou em pouco menos de £ 1,8 milhões (US$ 2,5 milhões), de acordo com a Sky News.

A pintura pertencia à atriz de Hollywood Angelina Jolie e foi vendida pela Jolie Family Collection na casa de leilões Christie’s de Londres, a um comprador não identificado.

LEIA: A lenda do pop egípcio Mohamed Mounir cancela show em Jerusalém após anunciá-lo

A peça retrata a mesquita de Marrakech do século 12 ao pôr do sol com as Montanhas Atlas como pano de fundo.

Um porta-voz da Christie’s descreveu a peça como “a obra mais importante de Churchill”.

Acrescentou: “Além de sua proveniência distinta, é a única paisagem que ele fez durante a guerra”.

Churchill produziu a peça durante uma visita ao Marrocos em janeiro de 1943 para a Conferência de Casablanca – uma reunião entre o primeiro-ministro britânico e seu homólogo americano, o presidente Franklin Roosevelt, para discutir uma ofensiva conjunta contra a Alemanha nazista.

Durante a viagem, Churchill supostamente convenceu Roosevelt a viajar para o sul de Casablanca a Marrakech com ele para assistir ao pôr do sol sobre as montanhas do Atlas.

Uma fotografia de jornal tirada na época mostra dois líderes aliados do tempo de guerra admirando o pôr do sol, noticiou o Arab News.

Acredita-se que a peça seja a única pintura produzida por Churchill durante a Segunda Guerra Mundial e teria sido enviada ao presidente Roosevelt como presente de aniversário e lembrança da viagem.

Após a morte do presidente em 1945, a pintura foi vendida, acabando nas mãos de Angelina Jolie e seu então parceiro Brad Pitt, que comprou a peça como um presente para ela em 2011.

O ator é conhecido por ser um ávido colecionador de arte e adquiriu algumas obras notáveis, incluindo algumas de Banksy e Neo Rauch, durante seu casamento de dois anos com Jolie.

Duas outras obras de Churchill foram vendidas na Christie’s de Londres ontem, incluindo sua pintura Scene at Marrakech de 1935, que arrecadou £ 1,88 milhão ($ 2,6 milhões).

LEIA: Hillary Clinton produzirá drama de tevê pró-milícia curda

Categorias
ÁfricaÁsia & AméricasEstados UnidosEuropa & RússiaMarrocosNotíciaReino UnidoVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments