Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Palestinos procuram marinheiros egípcios que se afogaram

O clima tempestuoso afogou sete marinheiros não muito longe de Port Said, no Egito, com o mar agitado contínuo movendo seus restos mortais para mais longe

Mergulhadores palestinos na Faixa de Gaza lançaram uma missão de busca na tentativa de localizar os restos mortais de marinheiros egípcios perdidos no mar durante a tempestade na semana passada.

“Juntei-me a esta equipe com meus colegas mergulhadores como parte de uma missão humanitária que expressa arabismo, nacionalismo e lealdade do povo palestino ao povo egípcio”, disse Mohammed Asad, mergulhador expedicionário e fotógrafo, ao MEMO.

A tempestade marítima afogou sete marinheiros não muito longe de Port Said, no Egito, com o mar agitado contínuo levando seus restos mortais para mais longe. Os palestinos acreditam que as condições climáticas podem ter levado os corpos às águas de Gaza depois que os restos mortais de Maher Ebeid, 47, foram encontrados na costa de Rafah. As autoridades em Gaza então entregaram seu corpo ao Egito.

O cerco contínuo de Israel à Faixa de Gaza significa que os mergulhadores estão usando barbatanas e aparelhos de mergulho velhos e gastos, já que esses itens não têm entrada permitida na Faixa sob os termos sufocantes do cerco promovido por Israel.

LEIA: Gaza sofre perdas de US $ 1,5 milhão depois que Israel causa enchentes

Categorias
ÁfricaEgitoNotíciaOriente MédioPalestinaVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments