Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Brócolis ajuda mulheres palestinas a sair da pobreza

Duas mulheres de Gaza recorreram à agricultura para plantar e vender brócolis em mercados locais, em uma iniciativa para enfrentar o aumento da pobreza no território sitiado

LEIA: Israel destrói dezenas de oliveiras em Belém

Fatime Barakeh, mãe de dois filhos, com 24 anos de idade, e Bisan Qadieh, mãe de cinco filhos, com 32 anos, trabalham seis horas por dia para colher os frutos de seu trabalho.

As mulheres consideram tais esforços como uma forma digna de ajudar suas famílias, incluindo seus maridos, que passam por dificuldades devido aos altos índices de desemprego e pobreza na Faixa de Gaza, sob severo bloqueio militar de Israel.

Ambas são graduadas pela Universidade de Khan Yunis e consultaram fazendeiros locais antes de escolher plantar brócolis para vender o produto a mercados palestinos, dado que representa um vegetal raro nas terras de Gaza.

A dupla comprou mudas de um viveiro na Cidade de Gaza e assumiu a difícil tarefa de desenvolver a plantação em uma área de um dunum de terra (0.001 km²).

Agora que sua colheita teve êxito, as mães palestinas têm esperanças de plantar a terra remanescente com o precioso vegetal, aumentar sua renda e melhorar a qualidade de vida de suas famílias.

Categorias
NotíciaOriente MédioPalestinaVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments