Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Autoridade Palestina pede apoio da Turquia para eleições e reconciliação interna

Presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas realiza coletiva sobre o chamado ‘acordo de paz’ de Trump, em Ramallah, Cisjordânia, 28 de janeiro de 2020 [Issam Rimawi/Agência Anadolu]
Presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas realiza coletiva sobre o chamado ‘acordo de paz’ de Trump, em Ramallah, Cisjordânia, 28 de janeiro de 2020 [Issam Rimawi/Agência Anadolu]

O Presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas pediu à sua contraparte turca Recep Tayyip Erdogan apoio para conduzir esforços de reconciliação interna entre os diferentes grupos palestinos e realizar novas eleições.

As informações são da agência de notícias palestina Wafa.

Abbas falou por telefone com Erdogan, na noite de segunda-feira (21), sobre os últimos acontecimentos referentes às negociações em curso entre Fatah e Hamas, entre outras facções palestinas, além da pressão exercida pelos Estados Unidos contra os palestinos.

Abbas pediu assistência da Turquia para realizar eleições, ao enviar observadores para monitorar o processo eleitoral.

Anteriormente, em setembro, grupos palestinos consentiram em dar fim à divisão interna e “consolidar o princípio da transferência pacífica de poder, via eleições livres e justas, conforme representação proporcional”.

Abbas também agradeceu Erdogan por contatos feitos com os presidentes da Sérvia e Kosovo, para exortá-los a não abrir embaixadas ou escritórios oficiais em Jerusalém ocupada.

LEIA: Sérvia não mudará embaixada para Jerusalém se Israel reconhecer a independência de Kosovo

Categorias
Europa & RússiaIsraelNotíciaOriente MédioPalestinaTurquia
Show Comments
Show Comments