Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

‘Por que o Egito me castiga por procurar minha filha?’, questiona Umm Zubeida

Umm Zubeida, mãe de Zubeida Ibrahim Yousef, foi presa após denunciar publicamente o desaparecimento e o estupro de sua filha por forças de segurança do Egito [Facebook]
Umm Zubeida, mãe de Zubeida Ibrahim Yousef, foi presa após denunciar publicamente o desaparecimento e o estupro de sua filha por forças de segurança do Egito [Facebook]

A mãe egípcia Umm Zubeida questionou em 2019 se fora mantida nas prisões do Egito por simplesmente buscar por sua filha desaparecida.

Em declaração publicada pela plataforma internacional de direitos humanos We Record, Umm Zubeida indagou: “Por que sou castigada por procurar minha filha?! Por que meus papéis de soltura foram rasgados logo após aprovados?!”

– ‘Não há nenhum homem sensato nesta Ummah [comunidade internacional islâmica] para responder minhas perguntas: porque estou na prisão?!’, questiona Mona Mahmoud Mohamed, Umm Zubeida

Em abril de 2017, vizinhos relataram ver Zubeida Ibrahim, de 23 anos, filha de Umm Zubeida, ser levada à força em um veículo policial por homens armados e mascarados, enquanto seu irmão estava fora de casa. A jovem já desaparecera anteriormente, em 2016.

No fim de julho de 2019, uma corte criminal no Cairo ordenou a soltura de Umm Zubeida, mas ela retornou à prisão pela quarta vez, sob os mesmos pretextos.

Em sua declaração, proclamou Umm Zubeida: “Oh doutores, respondam-me, não há nenhuma cirurgia para implantar o instinto materno, pois não me deixam sair da prisão e não me permitem mais procurar por minha filha?! As dores da perda e do cárcere tornaram-me doente, no âmago, e exauriram minha alma, diante da grande esperança de um sol que já não nasce nas trevas da prisão!”

LEIA: Lembrando o massacre de Rabaa

Categorias
ÁfricaEgitoNotícia
Show Comments
Show Comments