Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

‘Situação atual na Síria ameaça nossa segurança nacional’, alerta chanceler do Iraque

Ministro de Relações Exteriores do Iraque Fuad Hussein na capital Bagdá, 14 de junho de 2020 [Ahmad Al-Rubaye/AFP/Getty Images]
Ministro de Relações Exteriores do Iraque Fuad Hussein na capital Bagdá, 14 de junho de 2020 [Ahmad Al-Rubaye/AFP/Getty Images]

O Ministro de Relações Exteriores do Iraque Fuad Hussein destacou o estado atual da crise na Síria representa uma “ameaça grave” à segurança nacional iraquiana.

O chanceler participou por vídeo da 4ª Conferência de Bruxelas sob tema de “Apoio ao futuro da Síria e da região”. Em sua declaração, Hussein enfatizou: “O Iraque apoia a preservação da união, soberania, integridade territorial, independência e princípio de não interferência da Síria, além de endossar sua integração à política árabe.”

Hussein reiterou que a solução política constitui única garantia para dar fim ao sofrimento do povo sírio, embora concomitante à luta contra todas as organizações terroristas sem exceção, em particular o Daesh (Estado Islâmico), e sua ideologia.

Prosseguiu o ministro iraquiano: “As sanções e medidas impostas à Síria têm grande impacto sobre o povo sírio e sobre os setores de saúde, educação, economia e auxílio humanitário, em particular, à luz da pandemia de coronavírus.”

Ao concluir, o ministro destacou “a importância do apoio contínuo da comunidade internacional a países anfitriões de refugiados sírios, especialmente o Iraque, que abriga 260.000 refugiados, diante das circunstâncias presentes.”

LEIA: Irã não esquecerá o apoio dos EUA ao ataque químico do Iraque

Categorias
IraqueNotíciaOriente MédioSíria
Show Comments
Show Comments