Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Palestino com deficiência mental morto a tiros em Jerusalém

Iyad Hallaq, palestino com deficiência mental, foi morto pelas forças israelenses em Jerusalém em 30 de maio de 2020 [Twitter]

As forças israelenses mataram a tiros um palestino com deficiência mental em Jerusalém Oriental no sábado, segundo informação da mídia israelense, reproduzida pela Agência Anadolu.

Policiais de fronteira abriram fogo contra um homem na Cidade Velha de Jerusalém, depois de suspeitarem que ele tinha uma arma, informou o jornal The Times of Israel.

Em um comunicado, a polícia disse que o palestino estava carregando “um objeto suspeito que parecia uma pistola” e fugiu quando recebeu ordem de parar.

LEIA: Mais de cem violações israelenses são conduzidas na Palestina em apenas uma semana

Segundo a mídia israelense, o homem, que foi encontrado desarmado, foi morto a tiros durante a perseguição.

A família do jovem, identificado como Iyad Hallaq, morador do bairro de Wadi Joz, em Jerusalém Oriental, informou que ele tinha uma deficiência mental.

O tiroteio ocorreu um dia depois que as forças israelenses mataram um palestino na Cisjordânia ocupada por supostamente tentar atacá-los com seu veículo. Nenhum israelense foi ferido em nenhum dos incidentes.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestinaSlide Grande
Show Comments
Show Comments