Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Erdogan diz que gasoduto transanatólico é um projeto de paz regional

Erdogan fala à mídia antes de viajar ao Azerbaijão no aeroporto de Esenboga, em Ancara, Turquia, em 25 de fevereiro de 2020. [Erçin Top - Anadolu Agency]

Na quinta-feira, o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, defendeu o projeto de Gasoduto Trans-Anatólio (TANAP) em um artigo na última edição da revista The Diplomat.

No texto intitulado TANAP: Projeto de Desenvolvimento Regional e Paz, publicado em colaboração com o New York Times, Erdogan descreveu o TANAP como um exemplo sólido das relações positivas duradouras entre a Turquia, o Azerbaijão e a Geórgia.

“O processo de mudança da Turquia nos últimos 18 anos criou um ambiente adequado para canalizar recursos energéticos dessa região para a Turquia e a Europa”, afirmou.

Erdogan também destacou que o mapa de energia do mundo está mudando.

Segundo o artigo, a Turquia agiu como uma ponte segura entre os países de origem e os mercados consumidores e continuará a fazê-lo no futuro.

O objetivo do Projeto TANAP é levar gás natural produzido a partir do campo de gás Shah Deniz 2 do Azerbaijão para a Europa, passando pela Turquia.

Um dos maiores projetos de energia da região, o TANAP foi oficialmente inaugurado em junho de 2018. Em 20 de novembro de 2019, Erdoğan e seu colega do Azerbaijão Ilham Aliyev inauguraram o elo europeu do projeto na província turca de Edirne, no noroeste da Turquia.

“TANAP é a Rota da Seda da energia. Além de sua economia forte e sustentável, a política externa orientada para a paz e abordagem de administração estável, a Turquia também faz fronteira com reservas ricas de gás natural e petróleo devido à sua localização geográfica. Até agora, a Turquia atuou como uma ponte segura entre os países de origem e os mercados consumidores, e continuará a fazê-lo no futuro ”, concluiu Erdogan.

Categorias
Ásia & AméricasAzerbaijãoEuropa & RússiaNotíciaOriente MédioTurquia
Show Comments
Show Comments