Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Policial israelense é flagrado atirando contra crianças palestinas através do portão da escola

Policial israelense atira contra crianças palestinas através do portão da escola

Forças da ocupação israelense dispararam balas de borracha contra duas crianças palestinas em Jerusalém Oriental, durante dois incidentes distintos que ocorreram nesta semana. As informações são do jornal israelense Haaretz.

Ambos os incidentes aconteceram no bairro palestino de Issawiya, que vivencia há quase um ano uma onda violenta de assédio e abusos sistemáticos pelas forças da ocupação israelense.

Segundo o Haaretz, Mohamed Atia, 16 anos, “foi baleado na segunda-feira (2) enquanto estava no pátio de sua escola e seu braço sofreu fratura”. Fawzi Abid, 10 anos, “foi baleado na terça-feira (3) na varanda de sua casa e sofreu ferimento em sua mão que requereu atendimento médico.”

Criança palestina baleada por forças da ocupação israelense em Issawiya, Jerusalém ocupada

No caso de Atia, “registro em vídeo do incidente mostra os oficiais de polícia saindo de um veículo e empurrando para longe um homem que vendia comida aos estudantes na porta da escola.” Um policial de fronteira então é visto “inserindo sua arma entre as barras do portão de entrada e disparando cinco tiros contra as crianças no pátio.”

“Ele estava no pátio, perto do diretor, quando assim do nada atiraram em sua mão”, relatou o pai do menino, Awani Atia.

A polícia alegou que o incidente foi em resposta a uma pedra atirada pelo estudante quando o veículo passou pela rua.

Como descrito pelo Haaretz, a atividade policial em Issawiya inclui invasões diárias a vizinhanças inteiras, “patrulhamento intensivo, prisões, estabelecimento de postos de controle e emboscadas”.

Nos anos recentes, “dezenas de crianças foram feridas por balas de borracha, muitas delas perderam seus olhos”, reiterou o jornal israelense. Além disso, um adolescente foi morto “após ser atingido na cabeça”.

“Até então, nenhum oficial de polícia foi indiciado pelo uso ilegal de balas de borracha”, concluiu a reportagem.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestineVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Show Comments