Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Israel convoca embaixador mexicano após protestos na Cidade do México em frente à sua embaixada

1
Estudantes de Ayotzinapa pintam slogans nas paredes da embaixada israelense na Cidade do México durante uma manifestação em 21 de setembro de 2022 para exigir a extradição do ex-procurador-geral Tomas Zeron de Lucio. [Claudio Cruz/AFP via Getty Images]

O Ministério das Relações Exteriores de Israel convocou o embaixador mexicano em Jerusalém para uma repreensão, depois que manifestantes se reuniram na quinta-feira em frente à Embaixada de Israel na Cidade do México e vandalizaram suas instalações.

“Vemos a questão com muita seriedade. Esperamos que o México cumpra suas obrigações internacionais”, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores de Israel, Emmanuel Nahshon, segundo o Times of Israel.

Manifestantes atacaram a Embaixada de Israel na Cidade do México na quinta-feira e pintaram grafites em suas paredes que incluíam “Morte a Israel” e outros slogans. Os manifestantes exigiram a extradição do ex-funcionário mexicano Tomas Zeron, que esteve envolvido no desaparecimento de 43 estudantes no país em 2014. Zeron, que anteriormente chefiava a Agência de Investigação Criminal do México, atualmente reside em Israel.

LEIA: Presidente Boric se recusou a receber as credenciais do novo embaixador de Israel no Chile

Categorias
Ásia & AméricasIsraelMéxicoNotíciaOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments