Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

França quer Irã e Venezuela de volta ao mercado global de petróleo

Posto de gasolina em Teerã, capital do Irã, em 26 de outubro de 2021 [Atta Kenare/AFP/Getty Images]

Nesta segunda-feira (27), a França voltou a solicitar que países exportadores de petróleo aumentem sua produção em caráter excepcional e conduzam negociações para que Irã e Venezuela retornem ao mercado global, segundo a rede FranceInfo News.

O apelo de Paris decorre da crise enérgica em escala internacional.

As informações são da agência de notícias Anadolu.

Durante a cúpula do G7 — grupo dos sete países mais industrializados do mundo —, em Elmau, na Alemanha, um assessor da presidência francesa enfatizou a urgência de conter a carestia de insumos combustíveis, ao aumentar a produção de petróleo enquanto se conserva as metas de neutralidade de carbono.

“Precisamos que os países exportadores produzam mais de maneira excepcional”, declarou a fonte. Ao reiterar que há “outros recursos disponíveis que devem ser explorados”, o assessor reforçou apelos para diversificar o abastecimento.

LEIA: A Venezuela e a aproximação com o Oriente Médio

“Há um nó a ser desatado caso preciso para que o petróleo iraniano e venezuelano possa voltar ao mercado”, acrescentou a fonte em referência ao relacionamento de ambos os países com os Estados Unidos.

O Presidente da França Emmanuel Macron deve abordar a questão durante encontro com Mohammed bin Salman, príncipe herdeiro e governante saudita, e Mohammed bin Zayed, príncipe herdeiro de Abu Dhabi e presidente dos Emirados Árabes Unidos.

O Presidente dos Estados Unidos Joe Biden deve viajar à Arábia Saudita em julho, também com intuito de promover o aumento na produção de petróleo, comentou o jornal francês Le Figaro.

Categorias
Ásia & AméricasEuropa & RússiaFrançaIrãNotíciaOriente MédioVenezuela
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments