Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Universidade de Birzeit lança portal digital sobre violência israelense contra prisioneiros

Birzeit University [Assuntos Estudantis Birzeit University/Facebook]
Birzeit University [Assuntos Estudantis Birzeit University/Facebook]

A Universidade de Birzeit lançou ontem um portal de busca digital sobre o exército israelense e a violência de colonos contra prisioneiros palestinos, informou a Quds Press. O portal se chama “Arquitetura da Violência: Narrativas de Prisioneiros Palestinos” e foi lançado em cooperação com a Fundação Abdel Mohsin Al-Qattan.

De acordo com a Quds Press, o portal visa revelar os crimes da ocupação israelense, ao mesmo tempo em que contribui para metodologias de pesquisa na Palestina ocupada. O projeto surgiu através dos esforços de professores e alunos do Departamento de Arquitetura da Universidade de Birzeit.

De acordo com a Addameer Prisoner Support and Human Rights Association, as autoridades de ocupação israelenses detiveram mais de 800.000 palestinos sob ordens militares nos territórios palestinos ocupados desde 1967.

Esse número é de aproximadamente 20 por cento do total da população palestina nos territórios ocupados e até 40 por cento do total da população palestina masculina. Também inclui aproximadamente 10.000 mulheres presas desde 1967, bem como 8.000 crianças palestinas presas desde 2000.

LEIA: O martírio e a imortalidade da Voz da Palestina

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments