Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Egito prende fazendeiros em meio à crise do trigo

Fazendeiros colhem trigo para contornar a escassez no país, em al-Minufiyah, Egito, 14 de maio de 2022 [Mohamed Abdel Hamid/Agência Anadolu]

Os preços de freekeh no Egito aumentaram exponencialmente nas últimas semanas, em meio à crise de trigo. Neste contexto, policiais detiveram ontem (16) dois produtores do grão ancestral de trigo verde por “manipular os preços”, segundo a imprensa local.

Desde o início da invasão russa na Ucrânia, o regime egípcio impôs medidas rigorosas de controle sobre a produção, venda e consumo de trigo, na tentativa de impedir uma crise alimentar em âmbito nacional.

Autoridades locais estão indiciando suspeitos de violar as regras.

Nos últimos dias, a diretoria pública de fornecimento prendeu 20 produtores de trigo na cidade de Minya, no sul do país, por “esconder uma enorme quantidade de trigo em seus depósitos de freekeh”.

Suspeitos também foram detidos e condenados na província de Assiut, em abril, acusados de “instalar padarias sem alvará”

Freekeh, ou farik, é um ingrediente popular na cozinha egípcia e norte-africana. É produzido a partir de grãos verdes e jovens de trigo.

LEIA: Egito perdeu US$ 7 bilhões devido à guerra na Ucrânia, afirma primeiro-ministro

Categorias
ÁfricaEgitoNotícia
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments