Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Emirados, Bahrein e Marrocos querem adquirir sistema israelense Domo de Ferro

Sistema antimísseis israelense Domo de Ferro, em 25 de fevereiro de 2016 [AFP/Gil Cohen-Magen/Getty]

Durante o encontro recente entre os ministros de política externa de Israel e Estados Unidos — Yair Lapid e Antony Blinken — com alguns de seus homólogos árabes, revelou-se que Emirados Árabes Unidos, Bahrein e Marrocos propuseram adquirir baterias do sistema antimísseis Domo de Ferro, fabricado pelas indústrias militares do estado sionista.

Segundo o jornal Globes, Emirados e Bahrein mencionaram interesse no Domo de Ferro, assim como no sistema de radares Green Pine e em baterias balísticas do sistema Arrow. No entanto, tais pedidos não são novidade, comunicados previamente a Tel Aviv por diversos canais.

Os três estados árabes são apenas os últimos países a solicitar a compra dos sistemas de defesa aérea do estado ocupante. O Domo de Ferro é bastante requisitado na Europa, sobretudo após a invasão russa na Ucrânia, embora os apelos de Volodymyr Zelensky tenham sido negados.

Segundo relatos, a Alemanha também está interessada em adquirir o sistema antimísseis, assim como o Green Pine, sob pretexto de proteger seus aliados no Leste Europeu.

Empresas israelenses já receberam pedidos de compra do Domo de Ferro, a serem analisados pelo Ministério da Defesa. Espera-se que algumas solicitações sejam deferidas em breve. Para tanto, segundo fontes militares, Israel realiza consultas com os Estados Unidos, que ajudou no desenvolvimento de tais mecanismos.

LEIA: Os fabricantes dos drones mortais de Israel continuam a escapar da justiça britânica

Categorias
BahreinEmirados Árabes UnidosIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments