Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Reconstruir Gaza requer mais do que US$500 milhões oferecidos pelo Egito, afirma Sisi

Trabalhadores egípcios chegam à Cidade de Gaza para auxiliar na reconstrução do território palestino, após ataques israelenses, em 4 de junho de 2021 [Ashraf Amra/Agência Anadolu]

Reconstruir Gaza demanda mais do que US$500 milhões oferecidos pelo Egito, após os ataques israelenses entre 11 e 21 de maio de 2021, reafirmou nesta quarta-feira (12) o presidente Abdel Fattah el-Sisi, durante o Fórum Mundial da Juventude, realizado na cidade egípcia de Sharm el-Sheikh, na costa do Mar Vermelho.

“Desejamos contribuir para além dessa soma [US$500 milhões]”, asseverou o presidente e general. “Tenho esperanças de que a reconstrução que prometemos seja concluída o mais breve possível, em benefício de nossos irmãos na Faixa de Gaza”.

No entanto, Sisi exortou países doadores a enviar recursos financeiros à Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados da Palestina (UNRWA), para que possa cumprir seus deveres e fornecer serviços essenciais à população palestina do território sitiado.

“Nosso papel continua e pedimos aos doadores que jamais abandonem a UNRWA”, reiterou Sisi. Em resposta, o representante da agência no Cairo, Sahar Lijbour, agradeceu o presidente egípcio por manter seu apoio à organização.

LEIA: Egito recebe diálogo tripartite sobre os episódios recentes na Palestina

Categorias
EgitoIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments