Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Turquia liberta cantor sírio

O cantor sírio Omar Souleyman deixa o hospital,escoltado por policiais turcos, em Sanliurfa, em 18 de novembro de 2021. [STR / AFP via Getty Images]

O músico sírio Omar Souleyman, preso sábado na Turquia, foi libertado hoje, disseram seu empresário e uma fonte de segurança local, dois dias depois de ter sido detido por supostas ligações com militantes curdos, informou a Reuters.

Omar Almasikh – o nome verdadeiro do cantor – foi autorizado a sair em liberdade por um tribunal local na província turca de Sanliurfa, na fronteira com a Síria, após dar um depoimento às forças de segurança, disse a fonte.

Depois de iniciar sua carreira se apresentando em casamentos e outros eventos no norte da Síria, a música eletrônica otimista de Omar Souleyman lhe rendeu fama internacional nos últimos anos.

Ele lançou vários álbuns e colaborou com músicos como Bjork e Four Tet, bem como tocou no Festival de Glastonbury da Grã-Bretanha e em um concerto de 2013 para o Prêmio Nobel da Paz.

Assim como cerca de 3,6 milhões de refugiados sírios na Turquia que fugiram da guerra de dez anos, ele morou em Sanliurfa por cerca de uma década depois de deixar a Síria,

LEIA: Casal detido na Turquia é libertado, retorna a Israel

O músico foi acusado de ser membro da organização curda síria YPG, banida por Ancara e uma extensão do grupo militante Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que lidera uma insurgência na Turquia desde 1984.

Seu empresário negou a acusação de pertencer a algum grupo militante.

Os militares turcos realizaram três operações transfronteiriças contra o YPG na Síria e frequentemente detêm pessoas no país por supostas ligações com o PKK.

Omar Souleyman disse que sua música animada que mistura música eletrônica e folk é influenciada por elementos do árabe, curdo e outras culturas da região.

Categorias
Europa & RússiaNotíciaOriente MédioSíriaTurquia
Show Comments
Show Comments