Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Governo da Líbia rejeita voto de ‘não-confiança’

O primeiro-ministro líbio Abdul Hamid Dbeibeh em Tripoli, Líbia em 8 de julho de 2021 [Hazem Turkia / Agência Anadolu]

O governo provisório da Líbia, liderado por Abdul Hamid Dbeibeh, rejeitou ontem um voto de não-confiança vinda do parlamentol, alegando que a decisão era “ilegítima”.

Uma fonte bem informada disse aos meios de comunicação que o governo de Dbeibeh emitirá uma declaração nas “próximas horas declarando a sua recusa da decisão do parlamento e anunciando que continuará a desempenhar as suas funções até às eleições marcadas para 24 de Dezembro.”

Na terça-feira, o parlamento baseado no leste da Líbia aprovou um voto de não-confiança no governo de unidade de Dbeibeh. A decisão foi apoiada por 89 de um total de 113 legisladores – baseados na cidade de Tobruk, no leste do país.

Em resposta, Dbeibeh disse que seu governo continuaria até as “próximas eleições”, prometendo que serão realizadas com “justiça e transparência”. Ele pediu aos líbios “que protestem na capital Trípoli na sexta-feira para expressar suas opiniões sobre a decisão do parlamento”.

LEIA: ONU vai sondar avião que supostamente transportava armas para Haftar, da Líbia

Categorias
ÁfricaLíbiaNotícia
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments