Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Iraque e Emirados são maiores compradores regionais do Irã

Navio de carga no porto de Shahid Beheshti, na cidade costeira de Chabahar, sudeste do Irã, durante inauguração de novos equipamentos e infraestrutura, em 25 de fevereiro de 2019 [Atta Kenare/AFP via Getty Images]

Iraque e Emirados Árabes Unidos são os maiores importadores de bens iranianos do Oriente Médio, reportou nesta sexta-feira (27) Hamid Zadboum, presidente da Organização de Desenvolvimento Comercial do Irã.

Segundo as informações, o valor de exportações não-petrolíferas registrou aumento de 69% no primeiro trimestre do presente ano fiscal — entre 21 de março e 20 de julho. O comércio externo da república islâmica alcançou US$29 bilhões no mesmo período.

Zadboum destacou que os mercados estrangeiros que mais importam produtos iranianos são: China (US$4.4 bilhões), Iraque (US$2.8 bilhões), Emirados Árabes Unidos (US$1.6 bilhões), Turquia (US$921 milhões) e Afeganistão (US$728 milhões).

LEIA: Parlamento do Irã aprova nomeados de Raisi para o gabinete

Estima-se que Teerã importa 10% dos bens emiradenses, enquanto exporta cerca de 15% de seus produtos ao país árabe, segundo estatísticas oficiais.

Farshid Farzanegan, presidente da Câmara de Comércio Irã-Emirados, revelou previamente que as transações entre as partes totalizam US$15 bilhões, mas que há expectativas de aumentar este valor a US$30 bilhões até 2025.

Os Emirados são o segundo maior parceiro comercial iraniano — com balança comercial de US$9.6 bilhões. Apenas a China está acima, observou a Câmara de Comércio do Irã.

Categorias
Ásia & AméricasChinaEmirados Árabes UnidosIrãIraqueNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments