Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Coalizão saudita alega ter abatido drone militar houthi

Tropas da coalizão liderada pela Arábia Saudita recolhem um drone militar disparado por rebeldes iemenitas houthis [Twitter]

O grupo iemenita houthi afirmou neste domingo (25) ter atingido a base aérea militar Rei Khalid, no sul da Arábia Saudita, com um drone de guerra. Entretanto, a coalizão saudita alegou interceptar o artefato e destruí-lo, reportou a Reuters.

A coalizão militar liderada por Riad decidiu intervir no Iêmen após o movimento houthi capturar a capital iemenita Sanaa e grande parte do país, em 2015.

Os houthis ainda detêm a maior parte do norte do Iêmen e recentemente intensificaram ataques transfronteiriços contra solo saudita, além de uma ofensiva por terra na região de Marib, à medida que Washington e Nações Unidas pressionam por um cessar-fogo.

A monarquia costuma reportar intercepção da maioria dos mísseis e drones houthis.

Riad propôs uma trégua, mas a oferta foi rejeitada.

O movimento rebelde reivindica a suspensão absoluta do bloqueio por ar e mar imposto pela coalizão saudita, que restringe as importações ao Iêmen.

O conflito é visto como guerra por procuração entre Arábia Saudita e Irã e resultou em dezenas de milhares de mortos e milhões de civis à margem da fome. A ONU descreve a guerra e suas inferências como a pior crise humanitária do mundo.

LEIA: Irã e Arábia Saudita negociam remendar relações, alega Financial Times

Categorias
Arábia SauditaIêmenIrãNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments